Quem sou eu

Belém/Ribeirão Preto, Brazil
Amazônida jornalista, belemense papa-xibé. Mãe, filha, amiga... Que escreve sobre tudo e todos há décadas. Com lid ou sem lid e que insiste em aprender mais e mais... infinitamente... Até a morte

Aos que me visitam

Sintam-se em casa. Sentem no sofá, no chão ou nessa cadeira aí. Ouçam a música que quiser, comam o que tiver e bebam o que puderem.
Entrem...
Isso aqui está se transformando em um pedaço de mim que divido com cada um de vocês.
Antes de sair me dê um abraço, um afago e me permita um beijo.

Arquivo do blog

segunda-feira, 24 de dezembro de 2007

Noite Feliz

O cheiro na casa denuncia a data: o peru que assa junta-se às rabanadas que são fritas; o bolo ainda nem saiu da forma e exala pela casa o cheiro apetitoso peculiar que leva ao desejo e em breve a farofa com bacon se unirá ao odor marcante desse dia.
É Natal !!
Este para mim é muito, muito especial. Tem um gosto de vitória recheado de medo. Alegria untada de temor. Esperança polvilhada de incertezas. Sorrisos mesclados de lágrimas. Mas é Natal !!
Brindes sem álcool, mas tim-tim à vida, à oportunidade de me reconhecer viva e esperançosa, de acreditar que é possível ser imensamente feliz mesmo que o estigma do câncer ronde corações e mentes.
Esquecer por alguns dias, horas e minutos que ter câncer não é sentença de morte, embora seja algo definitivo, improvável, eterno. Sim, o câncer é para sempre, mesmo que seja silecioso, mesmo que nunca mais surja, mas é latente, não nos deixa nunca mais. Uma sombra a minar os sonhos, que nos leva a rever planos e a não ousar demais.
Neste Natal, mais do que os presentes, pela primeira vez eu estou mais próxima do aniversariante. Incrédula diante dos novos fatos, mas crédula na fé.
Meus pensamentos estão voltados ao seu poder, ao que Ele pode me trazer como benção. Acima de tudo muita força, otimismo, resignação. Que eu e todos os outros que estão passando por situações similares não desanimem e que os que têm a missão de tratar de nossa saúde, também sejam iluminados e encontrem sempre o caminho mais curto, menos doloroso, mais eficiente.
Hoje à noite abraçarei cada um dos que amo e que estarão ao meu lado e mentalmente os que não estarão próximos. Amados do mesmo jeito, com a mesma intensidade !!
Brindarei com água, chá ou quem sabe um vinho branco orgânico, a oportunidade que estou tendo de me renovar na felicidade da incerteza.
Uma NOITE MUITO FELIZ a todos !!